Como Udon no Kuni no Kiniro Kemari conseguiu me conquistar


Oirrr~ ( ̄▽ ̄)ノ
Recentemente eu tenho visto vários animes e ironicamente a maioria deles é bom ou ok, o que dificulta um pouco fazer aquele roast maravilhoso que eu costumo fazer no Vale a Pena?, mas isso não significa que eu vou ficar sem fazer post de anime! Udon no Kuni no Kiniro Kemari é um anime muuuuito especial e eu queria muito falar dele, então eu resolvi contar pra vocês por que ele é um anime tão especial e por que ele merece uma chance na sua listinha! ⃛ヾ(๑❛ ▿ ◠๑ )
Vem ver o primeiro post não-amargo eu escrevo em muito tempo!

Antes de tudo, eu preciso explicar pra vocês um pouquinho do plot.

Udon no Kuni no Kiniro Kemari (うどんの国の金色毛鞠)
Adaptado de um mangá de mesmo nome.
Episódios: 12
Estréia: 9 de Outubro de 2016 / Outono 2016
Estúdio: LIDENFILMS
Gênero: Slice of Life, Fantasia, Seinen

A história gira em torno do Tawara Souta, um web designer que mora em Tokyo, mas que cresceu em Kagawa. Por conta do falecimento do pai, o Souta se vê obrigado a voltar para a casa onde cresceu para resolver algumas coisas. Lá ele encontra uma criança misteriosa e acaba decidindo cuidar dela.
Dependendo de onde você ouviu falar do anime, você provavelmente já sabe ou não vai demorar muito a saber que o Poco (ou Poko, tanto faz) é na verdade um tanuki. Na minha opinião isso não é segredo nenhum, já que várias capas do mangá e imagens de divulgação mostram isso. Mas enfim. Agora que você sabe mais ou menos do que se trata, vamos a minha super anti aderente lista de motivos pelos quais Udon no Kuni é o anime mais amorzinho da Fall 2016! (possivelmente do ano todo!)

 O plot faz mais sentido se você não pensar muito a respeito;

Se você ignorar totalmente que o Poco é um Tanuki, o fato de que o Souta parece a Avril Lavigne de tão novo mas tem 30 anos, e FINALMENTE que ninguém acha estranho um ome daquele tamanho arrastando uma criança de lá pra cá sem documento e tal, o anime é bem divertido. Mas sinceramente, são detalhes muito pequenos no plot, por que temos que lembrar que isso É UM ANIME NÉ. Uma animação. E se nos animes essa maravilhosa boob-plate é aceitável:


Essa doce criança também é aceitável:


 A abertura é agradável e a música é muito boa;

Pessoalmente, acho que quando a abertura do anime faz sentido com o clima da história é muito melhor de assistir, além disso, quando eu realmente gosto da música aí é é bom demais! <3
A música da abertura nesse caso é a S.O.S de um grupo chamado WEAVER que eu nunca ouvi falar na minha vida mas que tem uns clipes bem aesthetics-tumblr-instagram-filtros-pedantes-de-imagem etc


Diferentemente dos animes que eu já vi antes, eu realmente gostei dessa música e sei lá porquê, eu fui ler a tradução dela.

社会の迷路で
Você perde seu caminho,
君は迷って
Pelo labirinto da sociedade;
誰にも言えない
Você não pode dizer a ninguém,
No one helps
Então ninguém ajuda.

Eu posso estar meio que me aprofundando demais numa coisa sem sentido, mas nessa parte da letra a gente pode fazer a relação de que o Souta no começo do anime tava morando em Tokyo, longe da família e meio que tinha esquecido das raízes dele, de onde ele veio e de como ele era. E que só com a morte do pai dele é que ele resolveu voltar pra casa.

力になりたいよ S.O.S.
Eu quero estender minha mão para o seu S.O.S.
守りたい手を ぎゅっと握りしめ
Então eu vou segurar firmemente aquela mão que eu desejo proteger!
I will never never never never let you go
Eu nunca nunca nunca nunca vou deixar você ir!
僕らはいつでも傍にいられるから
Pois estaremos sempre juntos, lado a lado!
Por algum motivo eu sinto como se a letra da abertura falasse que o Souta e o Poco vão ficar juntos por que eles precisam um do outro, já que depois que o Souta conheceu o Poco ele passou a entrar em contato com seus sentimentos mais íntimos. Assim como o Souta sente que deve proteger o Poco e o segredo dele.
Mas como eu disse eu posso simplesmente tar interpretando waaaaaaaaaay 2 much into it que nem meus amigos louquíssimos na teoria que Jarvan IV é na verdade a Le Blanc travestida ou a Le Blanc é o Jarvan travestido não sei exatamente, pois fiquei entediada nem prestei atenção na conversa deles <3

 O clima do anime é meio nostálgico de uma forma positiva;

Udon no Kuni nos faz lembrar que as vezes a vida não é só alegria e as relações entre as pessoas podem não dar muito certo. É notável o quanto o Souta se sente mal por coisas que ele disse ou fez e como ele se sente sobre não poder desfazer aquilo. E isso é extremamente relacionável. Eventualmente todos nós vamos ter esse tipo de sentimento. Mas a leveza do relacionamento dele com o Poco nos faz ver que embora existam coisas que a gente não pode mais mudar, ainda há esperança.



 O Poco é a coisa mais preciosa de 2016; (your waifu could never)



Você acha sua waifu fofinha mas o Poco é um novo nível!
100% do tempo do airtime dele você se pega pensando "awwwww <3 <3 <3"


Ele é o principal motivo pelo qual o anime é tão heart warming e eu não consigo entender como ele consegue ser tão fofo. Só nos resta aceitar que ele é a coisa mais fofa dos animes de 2016.



 A arte é linda;

Quem acompanha o blog sabe que eu não sou do tipo de pessoa que tem nenhum nível altíssimo de profissionalismo para falar de anime. Mas eu sinceramente acho que qualquer arte boa é facilmente reconhecida por qualquer leigo, isso por que ela é gostosa de olhar, é agradável e é a representação gráfica da alma da história.
Os cenários são incríveis e realmente convencem a fantasia do lugares onde se passa. O templo e a torre de Tokyo são provavelmente meus ambientes favoritos mostrados até agora.


A arte é delicada e fofa. Ela cria essa sensação extremamente positiva com o uso de brilhos na medida certa. Além disso, é importante destacar que os olhos do Poco são incrivelmente lindos!


 Apresenta uma relação entra uma "criança" e um adulto, mas não usa aquela piada cansada de tensão sexual;

2016 não tem sido um bom ano num geral, mas pro anime até que nós tivemos bons títulos. E Udon no Kuni entrou como mais um desses animes cujo personagem principal tem um relacionamento com uma criança fofa demais vai tomar no cu se foder meu deus do céu


Mas o grande ponto é que em 2016 nós tivemos alguns animes que além de mostrarem esses personagens fofíssimos, também abriram mão de utilizar aquela piada cansada que nós vemos por exemplo, em Hatsukoi Monster, onde fica-se enfatizando a diferença de idade entre os personagens para implicar tensão sexual e etc. O que só me faz querer vomitar, sinceramente. Roteiristas de anime, vocês são melhores que isso. APENAS PAREM.

Caso vocês estejam se perguntando quais outros animes seguem essa mesma vibe de Udon no Kuni, eles são Amaama to Inazuma e Shounen Maid que eu consigo me lembrar no momento. Eu assisti ambos e são bem fofos. <3

 O curta gaogao chan é na verdade muito fofo;

Eu não entendi bem o motivo pelo qual o autor adicionou isso tanto no mangá quanto no anime, mas depois do episódio em si, nós temos um curta que é sobre os personagens do programa que o Poco assiste na tv durante o primeiro episódio.

 

Esse curta é sobre Gaogao-chan, um alien que veio invadir a terra mas acabou ficando amigo de duas mecânicas, Mimi e Momo. Cada episódio dura de alguns segundos a um minuto e meio dependendo do plot. É feito num estilo diferente do anime principal, e lembra um desenho infantil pintado a lápis ou giz de cera. É bem fofinho.


As histórias são curtas e bobinhas mas num geral falam de como o Gaogao vai se aproximando das pessoas que ele conhece na terra. Eu não sei se isso pode ter ligação com o plot principal de Udon no Kuni, mas existem semelhanças nos episódios do curta e do anime principal. De qualquer maneira, o curta é uma gracinha e vale totalmente a pena assistir.

 Se Uchouten KazokuAmaama to Inazuma (e Barakamon também) tivessem um filho, esse filho seria Udon no Kuni no Kiniro Kemari.

Udon no Kuni x Amaama to Inazuma x Barakamon por きなこ

Eu li várias análises desse anime e muita gente concorda que Barakamon e Udon no Kuni tem muito em comum. E na verdade eles tem mesmo, o plot é muito parecido. Então embora eu não tenha visto Barakamon ainda (talvez eu veja num futuro próximo), eu acredito que quem gostou desse anime vai gostar de Udon no Kuni também.

Agora falando mais pessoalmente do que eu achei, eu senti que embora os plots não sejam tão parecidos como no caso de Barakamon, Uchouten Kazoku também gira em torno de tanukis e apresenta esse lado mais humano deles. Ele obviamente, é um pouco mais puxado pro drama, mas a é interessante ver esses animais místicos tomando forma e tendo personalidades numa história. Assim como em Udon no Kuni nós vemos que existe um desenvolvimento para a personalidade do Poco. É possível perceber que existe uma progressão no quanto ele gosta e confia no Souta. Inclusive, é notável que ele vai aprendendo mais e mais com o decorrer dos episódios.


Amaama to Inazuma foi um dos últimos animes que vi antes de começar Udon no Kuni e por isso acho foi mais fácil relacionar os plots, a relação entre o Souta e o Poco me lembra demais a relação da Tsumugi com seu pai. E existe essa vibe de "pai aprendendo" em ambos os animes, mesmo que o Souta não seja realmente pai do Poco. Também é legal ver o quanto a comida está presente em ambos os animes. Comida na anime na minha opinião é sempre legal de se ver e uma adição incrível para as cenas.



Se depois disso tudo você ainda não aceitou que Udon no Kuni é um anime que aquece o coração, eu desisto de você. (੭ ˃̣̣̥ ㅂ˂̣̣̥)੭ु
Eu tenho acompanhado o lançamento dos episódios toda semana e sinceramente tem sido muito bom, eu costumo assistir antes de dormir e é bom por que eu sempre vou deitar sorrindo, leve. Esse sentimento puro que esse tipo de anime nos trás que muitas vezes é inexplicável através de palavras, é também o que muitas vezes me impede de abandonar completamente esse tipo de animação. Se você tá triste e precisa de um up, assista Udon no Kuni! Eu tenho certeza que você vai sorrir e se sentir pelo menos um pouquinho melhor! (‐^▽^‐)

Muitos beijos,

Gleice F.

A.K.A うさぎQUEEN. 24 anos, estudante de Gestão Empresarial. Fã de mahou shoujo, rap e jogos indies.

6 comentários:

  1. Yeeeeeeeh~~
    Mais um monte de animes pra minha lista hahahahha amosou~ ♡

    ResponderExcluir
  2. Eu amei Barakamon, está na minha lista de favoritos. não estava acompanhando os lançamentos mas agora acho que vou acompanhar este

    ResponderExcluir
  3. AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA EU TAVA PROCURANDO O NOME DESSE ANIME
    Eu tinha visto um monte de imagem nas internet mas não achava o nome TAVA AGONIADA
    Dorei o post super amor e arco íris ♡♡ E vou ver o anime, porque adoro esses animes ~calminhos~ pq ME DÃO PAZ DE ESPIRITO E É UM NEGÓCIO QUE EU PRECISO
    10/10 Usacchi ♡♡

    ResponderExcluir
  4. Eu estou amando esse anime!Poco é tão fofo,dá vontade de adotar essa criança meu deus do céu!<3 é um tipo de anime pra relaxar e se sentir calmo vendo mesmo,por isso eu adoro animes assim.Nada como terminar um dia estressante vendo um anime desses pra relaxar e dormir tranquila!2016 foi o ano mais louco que eu já vi,tudo de impossivel aconteceu!Mas foi um ano maravilhoso pra animes,vi mais coisa do que devia!XD.

    ResponderExcluir
  5. AMO barakamon e Udon no Kuni eu ainda vou ver Uchouten Kazoku e Amaama to Inazuma <3

    ResponderExcluir

O Otome TeaTime agradece sua visita! Não se esqueça de deixar um comentário falando o que achou, nós respondemos os comentários sempre que possível.

Você pode usar as seguintes formatações sem os espaços:
< i > Texto < / i > - Itálico;
< b > Texto < / b > - Bold;
< a href="LINK"> Nome do link < / a > Links.

ありがとう! ♥