Tanabata Matsuri: o festival das estrelas!



   Oioi pessoal~ Tudo beleza? ヽ(*・ω・)ノ
   Hoje eu estou aqui para falar de uma comemoração japonesa que eu gosto muito: o Tanabata.
   Vocês já devem conhecer o termo Matsuri, mas, para quem não sabe, Matsuris são festivais. Os Natsu Matsuri (Festival de verão) são muito mencionados nos animes. Sabe aqueles festivais onde eles vestem yukatas (como se fosse um kimono de verão), passeiam por barraquinhas de comida e jogos e assistem aos fogos de artifício? Então, isso é um Matsuri!
   Porém, o Tanabata é um pouquinho diferente dos festivais normais: ele vem de uma lenda japonesa.



Orihime e Hikoboshi

   Diz a lenda que, há muito tempo, morava ao lado da Via Láctea uma princesa tecelã, chamada Orihime. Tenkou, seu pai e o Senhor Celestial, vendo a tristeza de sua filha por não ter tempo de se apaixonar, devido a sua ocupação como tecelã, a apresentou a um rapaz chamado Hikoboshi, o pastor de gado.
   Se apaixonando um pelo outro rapidamente, os jovens esqueceram de suas responsabilidades, e isso enfureceu Tenkou. O mesmo decidiu, então, separá-los, colocando um de cada lado da Via Láctea.
   Vendo o sofrimento de sua filha pela separação, o Senhor Celestial decidiu deixá-los se encontrarem uma vez por ano, no sétimo dia do sétimo mês. Porém, havia uma condição: eles deveriam atender todos os pedidos vindos da terra.
   Fato interessante: na mitologia, os dois são representados por duas estrelas: Vega (Orihime) e Altair (Hikoboshi). Essas estrelas só são vistas juntas uma vez por ano. 

   Eu, pessoalmente, gosto muito dessa lenda. Claro, eu coloquei uma versão resumidíssima e sem nenhuma ~*emossaum*~ pra vocês, mas se vocês procurarem nas internet afora, encontram umas versões literárias lindas e choráveis.
   Moral da história: you better work bitch senão teu pai manda o boy magia pro outro lado do mundo.
   Não. Mas tá, voltando pro festival~

Kusadamas e Fukinagashis

  No Tanabata, as ruas são enfeitadas com Kusudamas, Fukinagashis e lanternas, assim como na imagem acima. As Kusudamas são aquelas bolas que ficam na parte de cima, e os Fukinagashis são as fitas penduradas em baixo, e essas representam as fitas que a Orihime tecia. Existem vários "designs" de kusadamas: algumas são tradicionais, algumas representam personagens infantis e até países!
   Existe também o costume de escrever seus desejos em folhas de papel, chamadas Tanzaku. Cada tanzaku tem uma cor, e cada cor tem uma felicidade, como vermelho para o amor. Depois de escrever seu desejo, você deve pendurar o Tanzaku em um bambu. No final do Tanabata, os Tanzakus são queimados, para que a fumaça chegue até Orihime.

Tanzakus pendurados nos bambus
  Esse festival é uma cultura muito forte no Japão, e as pessoas sempre se esforçam ao máximo quando organizam os eventos para que eles agradem a Princesa. Além de celebrar essa lenda, o Tanabata também celebra o aumento da capacidade e sabedoria das pessoas. Os desejos mais comuns costumam ser maior desempenho no trabalho e nos estudos, além de esperanças para o futuro.
  Também há o costume de enfeitar o bambu com variados tipos de origamis: de lanternas à estrelas.

                                 
    Além dos enfeites e dos bambus, o Tanabata conta com características tradicionais dos Matsuris, como barraquinhas de comida, jogos e queima de artifícios.
    Alguns também tem desfiles, apresentações musicais, culturais ou de dança. Os grandes Tanabata Matsuri, como de Hiratsuka e Sendai, costumam receber de 1,5 à 3 milhões de pessoas! Pra vocês terem uma ideia, se igualam a eventos grandes aqui do Brasil, como o carnaval da Bahia.



    Cidades brasileiras que possuem grande concentração de descendentes japoneses, como São Paulo e Ribeirão Preto, possuem seus Tanabata Matsuris.
    O Tanabata tem sua data baseada no calendário lunissolar japonês, que é um mês atrasado do gregoriano, e por causa disso, alguns festivais são realizados no dia 7 de julho e outros nas datas perto de 7 de agosto. Esse ano, segundo o calendário gregoriano (que é o nosso, btw) o Tanabata vai cair dia 20 de agosto.
   Eu já comemorei o Tanabata uma vez, há dois anos atrás, com a minha amiga, e foi tipo, muuuuito divertido. Esse foi nosso bambu:




  Desculpem pela qualidade da foto ('▽^人) 
 Se eu conseguir o bambu, eu planejo comemorar o Tanabata de novo esse ano 
 E aí, já conheciam essa tradição ou é a primeira vez que houvem falar? Gostaram dela? Comentem aí em baixo!
  Espero que tenham gostado do post, e muito obrigada por lerem (ノ´з`)ノ



Harurun

Harurun (aka Macchan, estudante de moda e aspirante a Idol! Gosto de escrever sobre tudo, mas principalmente sobre Idols e animes! Espero que gostem dos meus posts e acompanhem o blog! ♡

8 comentários:

  1. Que legal, eu ainda não conhecia sobre os festivais...Vi várias vezes em animes, mas nunca pesquisei sobre!
    A lenda é encantadora, é uma pena eles não poderem ficar juntos sempre, né? XD Apesar de ser lenda.
    Bom, agora que sei com certeza vou comemorar também este ano.
    Seu bambu ficou muito fofo! ^u^
    < a href="http://meuladoana.blogspot.com.br/"> Meu lado Ana < / a > Links.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ugh, eu tenho muita dó dos dois ;w; Quem mandou não trabalharem LKWJDÇOISDJFH E tenho certeza que você vai gostar, é muito divertido LKJASÇODIG E obrigada ♡ E que bom que gostou do post, e muito obrigada por comentar (っ˘ω˘ς )

      Excluir
  2. Olá!
    Não sei porque, mas pensei que era a UsagiQUEEN que havia escrito sjdfksjdk
    Achei bem legal a lenda por traz disso tudo, muito romântico, muito mangá shoujo ruim s2 kk brimks, que horror '-'
    Esse festival parece super colorido, lindo e divertido~ Que fofo você comemorando ele por essas bandas também, haha. E eu sou péssima com câmeras... Dá até dó.
    Amei o post! E Orihime é um nome que já vi bastante em anime ._. passada
    Abraços~

    ~ Nankin Dust

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. HAEIOAEHO eu e a Harurun temos um estilo de escrita parecido. <3
      Me orgulho muito dela. <3 <3 <3

      Excluir
    2. Oi~ E sério? ÇSKJFÇOSDIFH Eu tenho muita dó dos dois :´) Né?? Magina que lindo passear por lá nessa época ♡ E eu sou que nem você LSDFKJSODIG quando eu tento tirar fotos sempre sai uma coisa meio eca LJGSÇOIDH E que bom que gostou do post ;w; E obrigada por ler e comentar (´。• ω •。`) ♡
      PS pra usagicchi: brigada gata ;3; ♡

      Excluir
  3. Hey!
    Achei bem legal seu post. Já fui umas duas vezes no Tanabata de Ribeirão Preto, alias, encontrei meu namo lá *-* quando foi pra gente se ver e tal.
    É um festival bem diferente, bem gostoso. Gosto sempre de ir lá por conta dos acessórios que você acha, as roupas que vendem a comida é claro u.u melona u.u/ e obviamente os cosplays *.*

    http://meubaudeestrelas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Ola!
    Amei o post, lindo! Como sempre os japoneses com suas historias de amor fofas e quase impossíveis.
    Fiquei com muita vontade de ir em uma comemoração desse festival *O* Tão lindo

    Ate mais linda!

    http://emcontoscommorte.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

O Otome TeaTime agradece sua visita! Não se esqueça de deixar um comentário falando o que achou, nós respondemos os comentários sempre que possível.

Você pode usar as seguintes formatações sem os espaços:
< i > Texto < / i > - Itálico;
< b > Texto < / b > - Bold;
< a href="LINK"> Nome do link < / a > Links.

ありがとう! ♥