da web para o papel (1/3) ~ Samila Lages







Você é uma amante de fanfics? Uma escritora, talvez? Já pensou na sua história se transformando em livro? Pois bem, ''da web para o papel'' será um post em três partes falando sobre três escritoras que levaram suas fics para outro rumo - ou estão nesse processo -, mais precisamente transformando tais historias em livros.
Nossa primeira escritora é a Samila Lages - um amor de pessoa - autora dos livros "A Lenda de Fausto" (yaoi <3) e seu mais novo livro " Botos, Sátiros e Dragões" (contos, poesias e ilustrações sobre mitologias diversas).

“Amor.
Se o desejo era seu alimento, o amor era a sua perdição. Fora-lhe dito tantas vezes que ‘nada de bom haveria de surgir do amor de um demônio para com um humano’. Ele sabia muito bem. O passado já lhe provara a verdade dessa afirmativa. O amor era certamente sua perdição.
Mas uma perdição tão suave, tão terna, que parecia abrandar o temor e o desejo, abrandar tudo que existia em Belial.”

°°°

(Na imagem: Querida Maka, desejo que esta leitura te agrade, e que teus dedos escutem por estas paginas os sussurros silenciosos de Belial. Obrigada por seu apoio, Samila Lages. 06°01°12)



Nossa escritora da vez é a macapaense Samila Lages, com dois livros já publicados sendo um Yaoi (*babando*). Eu comprei o livro em 2012 e quase infartei, eu não tinha lido a fanfic por isso, tudo foi muito surpreendente pra mim, principalmente o final. Vocês já devem saber que a Maka aqui adora um yaoi, então esse livro acabou sendo pra mim algo lindo/maravilhoso/fabuloso e coisas do tipo. Mas voltando ao assunto... Perguntei a nossa querida Samila como foi esse processo da web para o papel e ela contou um pouco sobre isso. 

A Lenda de Fausto começou a ser publicada como fanfic por volta do ano de 2007, quando eu estava saindo do ensino médio, prestes a ir para ir para a faculdade. Era para ser um conto ou uma história curta, mas assim que comecei a escrever, vi que tinha potencial para se tornar mais extenso. A despeito de ser uma fanfic – algo amador – eu sempre escrevi com muita paixão. Eu gostava de temas mais sérios e adultos, e sempre fui louca por drama, e isso se refletia na minha escrita. Na época, ainda existiam poucos sites de fanfics, e era uma literatura bem marginalizada, por isso, jamais me passou pela cabeça que eu estaria escrevendo um livro. Aquilo era apenas diversão até então, mas a recepção das pessoas foi muito boa, e dentre os comentários que eu recebia, era comum alguém dizer ‘você já pensou e transformar isso num livro? Seria ótimo!’. Apesar da minha descrença nessa possibilidade (afinal, não bastava ser um livro gay, tinha que ser um livro sobre demônios gays e cheio de cenas de sexo -que tipo de editora publicaria algo assim?), esses comentários  começaram a plantar em mim a vontade de entrar no mundo editorial. Correndo atrás dessa vontade, eu acabei me debutando no mercado editorial em 2010 através de um conto que foi publicado em uma antologia de terror. Através da antologia que entrei em contato com os editores (eles haviam gostado muito do conto, e queriam saber se eu não tinha mais nada escrito), e eu conversei com eles sobre o romance que eu tinha pronto, mas que não considerava algo ‘publicável’, por ser pesado demais. Na ocasião, me disseram algo que eu achei muito bonito: “não existe livro indecente, indecente é não ler”. No dia seguinte eu mandei o original para eles, e em pouco tempo já estávamos fechando os detalhes da publicação, que se deu em 2011.
Desde então tenho participado de antologias diversas e publiquei esse ano um conto de contos e poesias (não-yaoi) intitulado ‘Botos, Sátiros e Dragões’. Terminei também minha participação em um livro de poesias composto por 6 poetas amapaenses que deverá ser publicado ano que vem, mas minha paixão, aquilo que me entusiasma verdadeiramente, é a ideia de publicar mais livros yaoi. Atualmente estou escrevendo mais duas obras também protagonizadas por Belial, formando uma trilogia com a Lenda de fausto, mas devo admitir que meu ritmo de escrita está muito lento. Quero também escrever um livro de contos, mas essa tal de vida adulta só me faz sentir saudades dos tempos que eu estava no ensino médio, escrevendo em meu caderno durante as aulas... 

(Fanart FaustoxBellial por Tanko da Blyme Yaoi)

E a palavra chave é ''vontade'', rs. A Samila teve esse empurrãozinho ao participar de uma antologia de terror e dai pra frente engatou a primeira ..Passou a segunda e foi embora .q (As aulas de carro estão me subindo a cabeça.). Leitores estão sempre aberto a coisas novas, se você deseja que um dia aquela sua fic saia da web e vá para as mãos de milhares de pessoas, lute bravamente e que a força esteja com você. ♥ ~

Dica da Maka: Abaixo estão alguns links para se entrar em contato com a Samila, comprar seus livros e ler suas fanfics que ainda estão disponíveis. ~






Maka

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O Otome TeaTime agradece sua visita! Não se esqueça de deixar um comentário falando o que achou, nós respondemos os comentários sempre que possível.

Você pode usar as seguintes formatações sem os espaços:
< i > Texto < / i > - Itálico;
< b > Texto < / b > - Bold;
< a href="LINK"> Nome do link < / a > Links.

ありがとう! ♥